Colaborando com a Socialização das Crianças

Colaborando com a Socialização das Crianças

Quando você e seu filho encontram um grupo para brincar, ou ao se reunirem com outras famílias, é aconselhável aos pais definirem e concordarem antecipadamente sobre quais condutas adotarão para lidar com problemas inevitáveis, tais como​​:

* Separação

* Comportamento Agressivo

* Comportamento Retraído

* Disputas de Posse

Ao discutir e acordar em formas efetivas de lidar com essas situações, nós cuidadores e pais envolvidos, temos a oportunidade de apoiar uns aos outros ao surgirem os desafios. Por ser mais difícil tomar decisões certeiras quando estamos tensos, e por tendermos a culpar uns aos outros pelo comportamento “inadequado” dos nossos filhos, estes acordos nos ajudam a definir as atitudes básicas a serem tomadas antes que os transtornos apareçam.

A seguir estão algumas sugestões de conduta relacionadas a estas questões, bem como o raciocínio por trás delas.

Ler Mais

Meninos Não Choram!

Meninos Não Choram!

Acredito que o melhor que podemos proporcionar aos nossos filhos é deixa-los ser quem são. Expressarem suas vontades, ideias e sentimentos. Gritarem de alegria, ou de decepção.

É lindo ouvir uma criança gargalhar. Por que o fato de uma criança chorar quando se sente frustrada, triste ou com raiva mexe tanto conosco? Por que impedir o choro, essa ferramenta evolutiva que serve para o alívio do estresse, quando mais se faz necessário? Nós adultos tendemos, inconscientemente, a repetir os padrões de comportamento de nossos pais, e a maioria de nós recebeu a informação de que é errado chorar, que precisamos ser felizes o tempo todo, seja nos distraindo, seja nos reprimindo, ou seja, nos distanciando de como nos sentimos, de nós mesmos. Não precisamos passar essa mesma informação aos nossos filhos. Podemos impedir que esse carma continue nas próximas gerações, tomando consciência e mudando nosso comportamento.

Ler Mais

CRIANÇAS PEQUENAS E BIRRAS

CRIANÇAS PEQUENAS E BIRRAS

 

Todos nós temos ouvido falar dos “terríveis dois anos”. Muitos pais com bebês pequenos se perguntam como irão agir quando seu bebê chegar ao segundo aniversário, e principalmente depois, quando chegar ao, infelizmente difamado, “terríveis dois”. Mas a boa notícia é que os pequenos dessa faixa etária estão trabalhando para alcançar alguns marcos importantes no seu desenvolvimento. Se pudermos compreendê-los e facilitar para eles, poderemos ajudar a estabelecer as bases para uma infância feliz e para adultos autoconfiantes.


Ler Mais

Curso de Educação Ativa com Margarita Valencia em Florianópolis

Curso de Educação Ativa com Margarita Valencia em Florianópolis

É com enorme satisfação que receberemos mais uma vez a educadora Margarita Valencia em Florianópolis. Ela nos presenteará com um curso de EDUCAÇÃO ATIVA que acontecerá no Campeche no final de semana dos dias 09 e 10 de junho. O curso é aberto a pais, educadores e demais interessados no tema.

No ano de 2010 ela esteve aqui em uma vivência de dois fins de semana, que acreditamos  ter sido um processo valioso de reflexão e transformação para todos presentes, enquanto pais, educadores e pessoas.

Ler Mais

Reflexão sobre o Papel das Mulheres na Nossa Sociedade

Reflexão sobre o Papel das Mulheres na Nossa Sociedade

Quando  me tornei mãe, comecei a refletir, dentre outras coisas, sobre o verdadeiro papel da mulher em nossa sociedade e como estamos criando nossos filhos.

Vejo meninas, cada vez mais novas, usando salto, maquiagem, e roupas sexy. Nada é questionado sobre as conseqüências fisiológicas e psicológicas de tais comportamentos.  Que padrões de sentimento e relacionamentos essas filhas terão ao longo de suas vidas?

Ler Mais

Os Filhos – Poema de Khalil Gibran

Os Filhos – Poema de Khalil Gibran

Acho que esse poema reflete muito a filosofia da desescolarização, é muito bonito e profundo. Por isso compartilho com vocês aqui:

 

Vossos filhos não são vossos filhos.

São filhos e filhas da ânsia da vida por si mesma.

Vêm através de vós, mas não são de vós.

E, embora vivam convosco, a vós não pertencem.

Podeis outorgar-lhes vosso amor, mas não vossos pensamentos,

Pois eles têm seus próprios pensamentos.

Podeis abrigar seus corpos, mas não suas almas;

Pois suas almas moram na mansão do amanhã, que vós não podeis visitar nem mesmo em sonho.

Podeis esforçar-vos por ser como eles, mas não procureis fazê-los como vós,

Porque a vida não anda para trás e não se demora com os dias passados.

Vós sois o arco dos quais vossos filhos, quais setas vivas, são arremessados.

O Arqueiro mira o alvo na senda do infinito e vos estica com Sua força para que suas flechas se projetem, rápidas e                 para longe.

Que vosso encurvamento na mão do Arqueiro seja vossa alegria:

Pois assim como Ele ama a flecha que voa, ama também o arco, que permanece estável.

Ler Mais

Encontro de Crianças Pela Paz

O encontro de crianças pela paz, não é controlado pelos pais, pois não as enxergamos como seres indomados e descolocados, que necessitam de nossa orientação e interferência constantes para saberem como devem se comportar. Ao contrário, acreditamos na sua capacidade inata para o bem-estar, para o entendimento e, para os relacionamentos pacíficos.

Ler Mais